Síndrome Congênita do Zika Vírus tem determinantes sociais

Em estudo da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) sobre a Síndrome Congênita do Zika Vírus, a médica sanitarista e professora da UFPE Dra. Bernadete Perez Coêlho constata que pessoas em situação de pobreza são mais vulneráveis à doença. 

Leia mais detalhes sobre a pesquisa na matéria publicada pela Agência de Notícias da UFPE.

Deixe uma resposta